"Vigiai e orai, para que não entreis em tentação; o espírito, na verdade, está pronto, mas a carne é fraca" (Mateus 26:41)

Enólogo do Ano 2008

A quinta edição do concurso “Enólogo do Ano”, promovido pela Associação Brasileira de Enologia (ABE), é realizado em três etapas. Na primeira etapa são indicados os nomes dos enólogos que serão analisados por uma comissão (representante da ABE, Centro Federal de Educação Tecnológica de Bento Gonçalves (CEFET-BG), Embrapa Uva e Vinho e Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento (MAPA), além dos patrocinadores Ibrac indústria e Comércio e Amazon Group). Na segunda etapa são indicados três finalistas e na etapa final no dia 24 de outubro, onde será anunciado o resultado da eleição, durante jantar do Dia do Enólgo. Para concorrer ao título, é necessário que o enólogo seja associado da ABE no mínimo há dois anos, deve ter formação técnica em Enologia e Viticultura, três anos de experiência na profissão, estar exercendo a atividade, trabalhar em prol do profissional de Enologia, ter atuação setorial e inovação tecnológica. O presidente da ABE não pode concorrer à distinção. O objetivo do concurso é valorizar o enólogo, em reconhecimento a este profissional que busca diariamente o aperfeiçoamento e a qualificação para garantir a qualidade dos vinhos brasileiros.
O prêmio será uma viagem para a Europa, a fim de visitar uma feira do setor vitivinícola. O Enólogo do Ano 2008, deverá, em data a ser definida, apresentar relatório e palestra aberta a todos os associados a fim de apresentar suas experiências durante a viagem técnica com a finalidade de multiplicar conhecimentos.
Retrospectiva
Enólogo do Ano 2004 – Antônio Czarnobay
Enólogo do Ano 2005 – Gilberto Pedrucci
Enólogo do Ano 2006 – Firmino Splendor
Enólogo do Ano 2007 – Adriano Miolo
Fonte: Associação Brasileira de Enologia (ABE) www.enologia.org.br
Postar um comentário