"Vigiai e orai, para que não entreis em tentação; o espírito, na verdade, está pronto, mas a carne é fraca" (Mateus 26:41)

Masi Tupungato Passo Doble



Safra: 2006
País: Argentina
Região:  Mendoza, Tupungato, Valle do Uco
Produtor: Masi Agrícola Tupungato
Site:
http://www.masi.it/eng/prodotti/Passo_Doble#passo_doble
Uvas/Corte: Malbec 70% e Corvina 30%
Teor alcoólico: 13,5%
Preço:  U$ 14 a 16; R$ 45-70 (preço nas importadoras e lojas especializadas de vinhos)
Score: Highly recommended Decanter Magazine,
Onde Comprar:
1. Vinhedos, Natal, RN
2. Mistral    
Degustado: 20/07/2014
Sugestão de Harmonização: carne assada ou grelhada, queijos maduros com sabor forte
Serviço:  18º
Comentários
“Há 15 anos a Agricola Masi, um dos mais tradicionais e reverenciados produtores da Itália, elabora vinhos incrivelmente originais na Argentina combinando o terroir de Tupungato com as técnicas do Veneto. Com vinhedos em algumas das melhores localizações de Mendoza, a vinícola conta com vinhedos antigos de Corvina e Malbec. Masi é talvez a maior autoridade na técnica de passificação de uvas, o grande segredo dos poderosos Amarones e uma das grandes estrelas do mundo do vinho”. (Mistral)
Prêmios:
Sugestão de Guarda: ± 10 anos
Meus comentários:
 Vinho bom custo benefício,  elaborado seguindo a técnica italiana utilizada na produção de vinhos do tipo Amarone, chamada de ripasso (passificação), que deixa as uvas secarem em parte, antes de serem moídas e vinificadas.
Com isso, obtém-se uma concentração maior de açúcares.
Por que Passo Doble?
Passo Doble é uma referência à segunda fermentação pela qual passa este vinho. Nesta etapa, são adicionadas as uvas de Corvina, já passificadas.
Coloração rubi intensa com leve halo alaranjado, aroma frutado e notas de especiarias, encorpado, taninos suaves, frutas vermelhas (cerejas, amoras e cassis), boa acidez contrabalanceando com álcool potente, final prolongado.
Avaliação: bom   

Postar um comentário