"Vigiai e orai, para que não entreis em tentação; o espírito, na verdade, está pronto, mas a carne é fraca" (Mateus 26:41)

Vinícola Casa Valduga


No dia 26 de novembro, depois do Natal Luz em Gramado, decidimos ir até o Vale dos Vinhedos, conhecermos um pouco da história do vinho no Brasil. A vinícola escolhida foi a Casa Valduga, principalmente pelos seus espumantes, os quais gosto muito.
    Após algumas horas de estrada, estávamos entrando na Casa Valduga, que impressionou pela organização, oponência de seus prédios, num cenário bucólico, tranquilo e belíssimo.
   A visita as caves foi objetiva e enriquecedora. Após termos assistido um vídeo sobre a Casa Valduga, fomos conduzidos com graça e conhecimento por uma simpática estudante de enologia às caves, que também conduziu a degustação de 06 rótulos da casa: dois tintos (Vinho Casa Valduga Premium Cabernet Sauvignon e Vinho Casa Valduga Identidade Ancelotta), dois brancos (Vinho Casa Valduga Identidade Gewurztraminer e Vinho Casa Valduga Premium Chardonnay) e dois espumantes (Casa Valduga Arte Brut e Espumante Casa Valduga Reserva Moscatel). 

Foram também os pioneiros como Complexo Enoturístico do Brasil, no qual o visitante pode encontrar uma completa infra-estrutura como a Enoboutique, espaço destinado a atender quem quer degustar e adquirir os renomados vinhos e espumantes Casa Valduga, seus Restaurantes (Maria e Luiz Valduga), para paladares requintados, onde é servido o melhor da gastronomia italiana, e as Pousadas (Raízes, Identidade, Leopoldina, Gran e Storia), que reunem o rústico com o moderno, associado ao charme de estar hospedado no coração de uma Vinícola, assim como cursos de degustação, harmonização e queijos e vinhos. 
Pela visita paga-se R$ 20 por pessoa, com direito a uma taça de degustação. Recomendo com empenho.

Postar um comentário