"Vigiai e orai, para que não entreis em tentação; o espírito, na verdade, está pronto, mas a carne é fraca" (Mateus 26:41)

Dão Udaca


Safra: 2005
País: Portugal
Região: Dão
Produtor: vários (União das Adegas Cooperativas do Dão-UDACA)
Site: http://www.udaca.pt/
Uvas/Corte: Touriga Nacional, Tinta Roriz, Jaen e Alfrocheiro Preto
Teor alcoólico: 13%
Preço: € 4,32 ; U$ 7; R$ 30 (preço nas importadoras e lojas especializadas de vinhos Pt- USA-BR)
Score: Wine Spectator 83 ptos (2000)
Onde Comprar:
Degustado: 16/01/2009
Harmonização: queijos e antipasto
Serviço: 18º
Comentários
O vinho tinto do Dão tem uma cor rubi, é arredondado e robusto, com um aroma delicado e um sabor aveludado. As castas mais usadas são: Touriga Nacional, Alfrocheiro Preto, Tinta Roriz e Jaen. Durante o envelhecimento, o vinho do Dão ganha um sabor aveludado, mantendo a sua frescura, e desenvolve-se de um vinho novo de cor rubi para um vinho vermelho acastanhado.
Prêmios:
Sugestão de Guarda: beber/guardar ± 05 anos
Meus comentários:
A UDACA representa dez adegas (Penalva do Castelo, Mangualde, Nelas, Tondela, Santa Comba Dão, Silgueiros, São Paio, Vila Nova de Tasém, Ervedal da Beira e Nogueira do Cravo), com cerca de dez mil associados, responsáveis pela produção de sensivelmente 60 por cento do total dos vinhos DOC Dão.
Coloração rubi escura, límpido, aromas de frutas vermelhas, especiarias, taninos suaves, fácil de beber.
Avaliação: Bom $$
Postar um comentário